quinta-feira,

Ronnie Peterson, GPA helmet

14 de fevereiro – Hoje seria o 64º aniversário de Ronnie Peterson e vasculhando o acervo me deparei com esta imagem acima. A foto claramente mostra o sueco usando um capacete GPA, em vez do costumeiro Bell. Esta marca francesa tornou-se popular por causa do sistema de fixação e muitos pilotos no inicio dos anos 80 optaram por este capacete, já que era mais confortável que o costumeiro cinto, ainda oferecendo um sistema mais fácil para ajustar o angulo de abertura da viseira. E eram raros. O autor deste blog e Stefan Bellof foram os unicos pilotos na Alemanha a ganhar fornecimento gratuito da GPA para 1982. E é justamente por isto que esta foto chamou a minha atenção. Nunca tinha visto Peterson antes com um GPA, sequer sabia que o capacete existia em 1978, quando esta foto aparentemente foi tirada. Alguém sabe a história por trás desta imagem?

*

Ricardo Rodriguez 1962 1/11/1962, morre Ricardo Rodríguez de la Vega.

Ricardo Rodríguez era o mais novo dos dois irmãos Rodriguez, um piloto arrojado e valente que apareceu no palco da F1 de forma espetacular. Convidado por Enzo Ferrari a correr pela Scuderia no GP da Itália, o mais jovem estreante da história da F1 logo colocou o carro na primeira fila do grid, levando somente 1/10 do líder do campeonato Wolfgang von Trips. Na corrida ele brigou com Phil Hill e Richie Ginther pela liderança até a bomba de combustível falhar. Após um ano como piloto oficial, mas somente correndo na F1 ocasionalmente, Ricardo já era considerado um futuro campeão. Mas para a primeira prova de F1 na sua terra natal não conseguiu convencer a Ferrari de fornecer um carro. Assim fez acordo com o Rob Walker para guiar o Lotus 24 Climax V8 da equipe do britânico. Angustiado com a vontade vencer em casa e tentando melhorar o tempo de John Surtees, a Lotus de repente virou bruscamente à esquerda na temida curva inclinada Peraltada, uma curva à direita entrando o retão dos boxes. O impacto aos 140 km/h foi violento, Ricardo morreu na hora.

Nasce: 14 de fevereiro de 1942 em Cidade do México.
Faleceu: 1º de novembro de 1962 em Cidade do México aos 20 anos.

*

Ronnie Peterson 1978 14/2/1944, nasce Bengt Ronnie Peterson em Örebro na Suécia.

Um verdadeiro campeão se define pelo seu talento, sua disciplina, mas também pela competência de tomar as decisões certas enquanto aos passos de sua carreira. O talento de Ronnie Peterson, um mestre da derrapagem controlada e dono de um estilo de pilotagem famoso enquanto ao arrojo e espetáculo, não tem como questionar. Ele estreou na Formula 1 em 1970 com a equipe oficial do emergente fabricante March e terminou a sua 2ª temporada como vice-campeão, sem vencer uma só corrida, mas também só derrotado pelo Jackie Stewart. Demoraria até 1973, quando seguiu convite de Colin Chapman para se juntar ao Team Lotus, que conseguiu conquistar a sua 1ª vitória no GP da França, a 1ª de quatro vitórias naquela temporada. Mas dali pra frente a Lótus entrou em uma fase decadente e Ronnie acabou voltando para a equipe March, vencendo o GP da Itália de 1976 em Monza. Seguiu um ano de pouco sucesso com o projeto da Tyrrell, o P34 de seis rodas, antes de retornar para a Lotus em 1978. Ronnie venceu dois GPs naquele ano, as teve que aceitar bancar o piloto número 2 por uma temporada. Ajudou Mario Andretti a conquistar o Mundial com a certeza de poder brigar pelo titulo em 1979. Infelizmente não chegaria ao ponto de colher os frutos, pois faleceu devido aos ferimentos e um atendimento médico precário após um acidente na largada para o GP da Itália. Andretti conquistou titulo naquela tarde triste em Monza e Ronnie acabou sendo vice-campeão póstumo de 1978.

Nasceu: 14 de fevereiro de 1944 em Örebro na Suécia.
Faleceu: 11 de setembro de 1978 em Milão na Itália aos 34 anos

*

Michael Ammermülller, 2007 14/2/1986, nasce Michael Ammermülller em Pocking na Alemanha.

Piloto de ponta nas categorias de acesso, Michael é mais um talento promovido pela Red Bull. Um dos poucos pilotos a usar óculos, o alemão teve a sua estréia na Formula 1 como 3º piloto da Red Bull Racing nos treinos de 6ª-feira nos GPs da China do Japão e no Brasil de 2006. Na época Robert Doornbos substituiu Christian Klien como titular nos últimos três GPs e assim surgiu a chance de Ammermüller a impressionar os técnicos com a sua competência, tanto em voltas lançados, como na sua habilidade de analisar o acerto do carro. Piloto de testes da Red Bull Racing para 2007, passou por uma fase difícil após machucar o punho em um acidente e continua na GP2 aguardando de também estrear no grid de largada de um GP de Formula 1.

*

Piero Scotti 11/11/1909, nasce Piero Scotti em Florença na Itália.

Scotti era um empresário italiano que corria de Ferrari e corrida de caros esportivos no inicio da década de 50. Seu maiores sucessos foram um 3º lugar na Mille Miglia de 1951 e vencer as 12 horas de Casablanca em dupla com Nino Farina. Em 1956 comprou um Connaught para correr de F1. Seu melhor resultado com este carro foi o 7º lugar na International Trophy, mas depois do GP da Bélgica devolveu o carro ao fabricante e abandonou as pistas.

Nasceu: 11 de novembro de 1909 em Florença na Itália.
Faleceu: 14 de fevereiro de 1976 em Samedan na Suíça aos 66 anos.

Advertisements

3 Gedanken zu “quinta-feira,

  1. Qual é a história por trás da imagem de Peterson ( 14 de fevereiro de 2008 ) ? Eu possuo todas as corridas de 1978 na íntegra e estou curioso !

Kommentar verfassen

Trage deine Daten unten ein oder klicke ein Icon um dich einzuloggen:

WordPress.com-Logo

Du kommentierst mit Deinem WordPress.com-Konto. Abmelden / Ändern )

Twitter-Bild

Du kommentierst mit Deinem Twitter-Konto. Abmelden / Ändern )

Facebook-Foto

Du kommentierst mit Deinem Facebook-Konto. Abmelden / Ändern )

Google+ Foto

Du kommentierst mit Deinem Google+-Konto. Abmelden / Ändern )

Verbinde mit %s