De 0 a 100.000 em 158 dias

100.000 visitas

Hoje, dia 12 de dezembro de 2007, o blog Grand Prix Insider registrou 100.000 visitas desde a sua criação no dia 15 de julho de 2007. É um marco importante, pois comprova um alto índice de aprovação, tanto da credibilidade do blog, como da forma como é apresentado.


Em primeiro lugar quero agradecer a todos que tornaram este blog um sucesso de audiência por fazerem parte de um público extremamente competente nas participações. Isto tornou o dia-a-dia, a interação neste blog muito agradável e tem sido cada vez mais um incentivo de continuar criando conteúdo de qualidade e cada vez melhor. Para alguem como eu, que ativamente produziu conteúdo na mídia e realizou livros de capa dura, este blog é uma realização estilo século 21.

Sinceramente: Nas primeiras seis semanas, nesta fase de aprendizado, tentando entender como funcionam as coisas na blogosfera, tive lá minhas dúvidas se há um público aí fora para o que pretendia fazer. Em primeiro instante foi uma sensação estranha, aventureira. A mesma que tive em junho de 1980 em Hockenheim, quando sentei pela primeira vez em um Formula Ford 1600, um Lola T540 , para o meu primeiro teste em um carro de corrida. Você tem uma certa expectativa do que vai acontecer, mas no fundo não tem idéia o que te espera. É tudo novo, meio estranho, você vai conhecendo os limites, vai aprimorando e no final sabe se leva jeito pra coisa.

Mario Bauer, Lola T540, Hockenheim 1980

Fui campeão alemão de Formula Ford 14 meses depois do primeiro teste. Mas atingir o mesmo entre os blogs de automobilismo brasileiros, com uma galera muito competente e bem informada tocando o negócio há um bom tempo, vai demorar pra ser número 1. Mas a meta tem que ser esta pra quem é competitivo, quem tem alma de piloto.

Mesmo começando somente na 2ª metade da temporada, havia muita coisa a avaliar e comentar. Aliás, nunca tive a intenção de competir com os sites de automobilismo do Brasil ou mundo afora. Divulgar fuxico na pressa, só pra encher lingüiça, nunca foi meu estilo. Um blog como este, no meu ponto de vista, é um ótimo instrumento para quem realmente procura entender o valor, a qualidades das notícias literalmente produzidas diariamente por sites das mais variadas qualidades. Vamos aos destaques neste blog na temporada de 2007:

Lewis Hamilton

As surpresas do ano:

– Não tem como não estar surpreso com a temporada de estréia de Lewis Hamilton na F1: 6 pole positions, 4 vitórias, 12 pódios, na liderança do Mundial durante cinco meses. Quase que se tornou o primeiro Campeão Mundial estreante da história da Formula 1. Acabou perdendo o título pelo óbvio: A falta de experiência.

– Kimi Räikkönen vira o jogo e conquista o título em uma temporada particularmente complicada em sua primeira metade. Uma vez com a F2007 adaptada melhor ao estilo de pilotagem e trabalhando cada vez melhor com o engenheiro Chris Dyer, o finlandês teve um final de temporada muito forte. Chegou a Interlagos com a menor chance matemática em comparação à Hamilton e Alonso e saiu, após anos de azar e de quebras na McLaren, triunfante em estilo soberano e contido.

– Um bilionário indiano compra uma equipe de Formula 1, rebatiza-a de Force India, mas nem o Narain Karthikeyan, nem o Karun Chandhok viraram titulares? Por essa ninguém esperava. Parece que o homem entende do negócio.

– Sebastian Vettel brigar com Fernando Alonso pela posição, dar um toque que fez o espanhol rodar, ainda reclamar sobre a atitude do bicampeão e quase subir no pódio em Fuji. Maior ainda a surpresa quando anda forte em Shanghai também e conquista um 4º lugar, inédito também para a Toro Rosso.

Sebastian Vettel, Fernando Alonso, Fuji, GP Japan 2007

Os „furos“ de reportagem do ano (links em azul):

– Em post de 2 de setembro constatei que Ralf Schumacher se interessaria em falar com o Vijay Mallya sobre um cockpit na Spyker, que depois virou Force Índia. Todo mundo negou até o fim. Mas que Ralf sentou no carro três meses depois não tem como negar.

– Em post do dia 8 de outubro revelei aqui que Timo Glock tinha assinado com a Toyota, o que somente foi comunicado oficialmente em 19 de novembro. Gozado: Nessa os fuxiqueiros de plantão não embarcaram. Que pena. Teriam finalmente acertado uma…

– No dia 13 de outubro compartilhei com vocês aqui pela primeira vez uma tendência da McLaren se interessar pelo Heikki Kovalainen. Mais concreto o assunto ficou no dia 20 de novembro, a informação que obtive é que os termos do contrato já foram definidos entre as partes. Faltou assinatura e a confirmação oficial. Ela veio dia 15 de dezembro.

Heikki Kovalainen, 14/12/2007

Os „foras“ de reportagem do ano:

Fora meu: Na manhã dia da 2ª reunião do Conselho Mundial da F1 no dia 13 de setembro me precipitei com informações que tinha recebido de uma fonte bem informada, que entendeu que Lewis Hamilton e Pedro de la Rosa foram intimados a comparecer, enquanto o nome de Fernando Alonso faltava ali na lista de testemunhas. Entendemos isto na hora como um gigantesco problema vindo em direção ao Hamilton, já que ele tinha se mostrado leal à McLaren em suas declarações. Mas, como ficou evidente, ele foi convidado, não intimado, e aparentava não conhecer o diálogo entre Alonso e de la Rosa sobre as informações vazadas pelo Stepney. Ai como dói quando sai pela culatra. Sorry!

Fora pior: Bem pior! Algumas horas depois o site Autosport.com divulgou a decisão do Conselho como definitiva: McLaren estaria fora do Mundial. Embora a reunião nem estava encerrada ainda! E todos os copiadores de plantão correram atrás. Para o meu divertimento, tiveram que se retratar logo depois. Assim como a Autosport.com teve que se retratar e foi obrigada a pedir oficialmente desculpas. Tanto à McLaren como à FIA. Aliás, acha que algum dos representantes do time do “ctrl+c, ctrl+v” aprendeu algo com o episódio? Que nada! É só ver o besteirol que foi publicado recentemente enquanto a distribuição das ultimas vagas.

Carlos Gil, Rede Globo 2007

– Fora da TV Globo: Bem, receio que tenham ocorrido vários. Mas o destaque mesmo foi o Carlos Gil querer nos vender essa bobagem que o Massa teria que ceder o lugar dele na Ferrari para o Alonso e que o brasileiro mudaria para a Toyota. Divulgar isto sem sequer pesquisar o assunto e verificar com o seu piloto, apesar da presença física do repórter no paddock em Fuji, foi péssimo jornalismo. E foi prejudicial para a imagem da Globo, pois deixou pairando a dúvida sobre a veracidade das demais reportagens do JN e do JdG. Já que era pra lançar esta bobagem, poderia ter fabricado isto na redação sem gastar um tostão de despesas.

– Fora geral da mídia: A temporada de 2007 me parece merecer o prêmio do abacaxi dourado. A McLaren merece por vários motivos, a Ferrari por se fazer de vítima inocente para assim conquistar um Mundial de Construtores que jamais teria levado, a FIA por conseguir piorar as coisas na opinião pública, mas acima de tudo, a mídia histérica, mal-informada, incompetente e descaradamente mentirosa. Com poucas, louváveis exceções. Vale tanto para sites estrangeiros como para certos blogs nacionais.

Mika Häkkinen 2007

Momentos de tristeza, faleceram:

– 7/1, Bobby Hamilton, ex-campeão da NASCAR

– 16/1, Ernest Buser, ex-Presidente da FIK/CIK

– 16/1, Benny Parsons, ex-campeão da NASCAR

– 22/1 , Toulo de Grafenried, vencedor GP Inglaterra 1949

– 1/5, Peter Kerr, ex-mecânico chefe da March e Shadow

– 4/6, Bill France Jr., ex-presidente da NASCAR

– 15/9, ColinMc-Rae, ex-campeão mundial de ralí

– 8/10, Norick Abe, piloto vitorioso na MotoGP

– 9/12, Rafael Sperafico, ex-vice campeão Dodge Barber Series

Momentos de alívio:

– Robert Kubica sair ileso da pancada assustadora no GP do Canadá foi o maior alívio do ano.

– Kimi Räikkönen ser confirmado pelos tramites políticos e legais como <a href=“http://https://gpinsider.wordpress.com/2007/11/16/kimi-raikkonen-confirmado-como-campeao-mundial-2007/&#8220; title=“Kimi Räikkönen confirmado como Campeão Mundial 2007″ Campeão Mundial três semanas após conquistar o título em Interlagos

O maior “Ibope”:

“Ibope” é modo de falar, refiro-me aos posts que turbinaram este blog e nestes momentos não tem como não agradecer os colegas Flávio Gomes, Ivan Capelli, Luis Fernando Ramos, mais conhecido como Ico, e meu amigo português Paulo Alexandre Teixeira, o vulgo “Speeder”, pelas recomendações expressadas em seus devidos blogs nos primórdios do Grand Prix Insider.

De lá pra cá o aumento de visitas foi significativo. E a curva na estatística subiu disparada em torno do Estrelagate, três posts sobre os modos de Felipe Massa & cia fazerem negócios, chegou ao recorde de exatamente 2.500 visitas no dia 26 de novembro.

felipe-massa-e-carlinhos-romagnolli.jpg

Seguem os Top 10 posts de maior sucesso de audiência:

Mais um desafio DO estrela
1,301 visitas

Família Massa: Pai não fala com filho?
1,209 visitas

Massa acaba com seletiva de kartistas
1,148 visitas

Porque a „Fórmula Neurose“ não faz falta
691 visitas

Massa perdeu a chance da sua vida
523 visitas

General Motors e o flerte com a F1
522 visitas

Rafael Sperafico – Uma fatalidade anunciada
518 visitas

Rubinho Pintinho
458 visitas

Retrospectiva – batendo rodas com Ayrton
424 visitas

Alô, boa tarde, é o Ron Dennis chamando
402 visitas

Meu saudoso Ford Landau 77

Nestes ultimos dias um assunto off da Formula 1 criou polêmica. E fiquei impressionado que muita gente não parecia absorver o colocado direito, não conseguiu entender as entrelinhas ou como o título Não compre o novo Ford Ka“ deveria ser visto no contexto. Serviu o propósito mesmo assim, a repercussão fala por si: 595 visitas até hoje só neste post. E 466 internautas devem ter se perguntado: „Afinal, quem é esse cara?“ Deu vontade de virar um Ralph Nader brasileiro 😀 Aliás, quem acha que tenho algo contra Ford ou seria „APzeiro“ (que classificação mais idiota de se fazer!), o bichinho acima é o meu saudoso Landau, que virou até referência no Wikipedia inglês. Mais perguntas…?

Por final quero mandar um “abraço” para as comunidades do Orkut. O que se espalha de opinião em TODAS elas na base do “eu li em algum lugar” ou mero fanatismo cego (e surdo) é bem além do suportável. Isto, misturado com a tendência de querer negar aos educados o direito da expressar opinião própria e toda hora algum galo-de-briga mal-educado “esquentar” as discussões mais bobas com provocações incoerentes e hipócritas torna o Orkut em si em perda de tempo. Eu acabei perdendo muito tempo por lá, insistentemente querendo criar uma comunidade boa e competente (o que consegui) e participar de outras na boa.

t�pico membro de comunidade orkutiana

Este ultimo item provou ser impossível. Tem sempre um (ou mais) da espécie sabidão intelectualmente menos privilegiado que faz as coisas desandaram. E tem sempre um “defensor” (ou mais) do dito jeca para alavancar a hipocrisia costumeira nestas comunidades. Não conheci uma exceção sequer. De comentários banais e futeis nem falo. Até nas minhas próprias comunidades tornou-se uma mão de obra desgastante, que consumia horas do meu dia, apagando posts ofensivos e manter a qualidade. Ninguem merece.

Mas sempre vejo o lado bom das coisas. Quando tinha finalmente me desgastado o suficiente naquele esquema duvidoso, cheio de spam e vírus, enfim, um ambiente completamente fora dos meus padrões e níveis de aceitação, argumentação e convivência pacifica, descobri que um blog seria o caminho certo para dividir as minhas recordações com um público maior. Mania de quem é comunicativo e vive nesta indústria. o projeto era criar uma espécie de cartão de visitas virtual e, ao mesmo tempo, criar o banco de fatos sobre a história da F1 e dos Grands Prix. Só me arrependo não ter tomado esta decisão muito antes.

ignorante é fogo

Por final vai uma recomendação: Se você pensa em criar o teu próprio blog, recomendo o WordPress como base. As ferramentas à disposição são de primeira e você já barra aquela galerinha do arranca-rabo de cara. Estive comentando este assunto com colegas e aqueles que criaram os seus blogs no IG ou no Blogger do Google sofre justamente com o que relatei do Orkut. Vivem gastando boa parte de seu tempo apagando posts e amenizando brigas infantis. Ou sendo xingados em seu próprio espaço!!! E o mais popular o blog, maior parece o índice de imbecilidade. Tenho pena destes meus colegas.

Além de incômodo, cidadãos desta qualidade impedem a interação inteligente e competente com aqueles que valem a pena. Eu, por exemplo, parei de opinar ou contribuir em alguns blogs, já que não há nível para uma interação sadia. Por aqui aquela meia dúzia, que só quis postar pra incomodar, logo desistiu quando viu que seus posts sequer aparecem. Quem não é avaliado pelo dono do blog como confiável passa primeiro pela moderação. Posts contendo palavrões que constam no catálogo individualizado sequer chegam na caixa de entrada, vão direto pra lixeira do spam. Excelente sistema! Eu estou muito feliz com o WordPress, que me facilita manter o bom nível por aqui e permite interação agradável. Recomendo!

P.S. Reconheceu todo mundo da galera lá no topo do post…?

Advertisements

15 Gedanken zu “De 0 a 100.000 em 158 dias

  1. Congrats !

    Mas, hein Mário, refaz ali no logotipo (banner da pag.) o „agradece“, sem cedilha, senão seus detratores de plantão vão te encher o saco

    Valeu, e abraço (apaga depois essa msg)

  2. Mario,

    Parabéns pelo seu espaço, isso é mérito de alguém que realmente tem algo a mostrar para o mundo.

    Já virei leitor assíduo do seu espaço, e continuarei interagindo nele.

    E que no final de 2008, essas 100.000 visitas, se tornem 1.000.000.

    Como vou viajar a noite, volto somente ano que vem, Um ótimo Natal e um Feliz ano novo, para vc e toda a sua família.

    Grande Abraço,

    Jairo.

  3. Haha, obrigado pela dica, R/T. „Os mala“ de plantão costumam errar na gramática em um post mais que eu em uma semana. Se tivessem me enchido a paciência, teria colocado tudo em alemão. Aí erro bem menos… rsrs

    E Jairo, muito obrigado pelos votos, boa viagem e um ótimo Natal e um Feliz ano novo igualmente para vc e toda a sua família também.

  4. Boa Mário! Belo número. Espero um dia chegar até lá (por coincidência, ontem cheguei às 70 mil visitas), e só te posso desejar que isso continue a funcionar, pois dá gosto ler as tuas crónicas, masmo que seja para detonar!

    Quanto aos senhores lá de cima… já os conheço porque há uns tempos atrás meti a mesma fotografia. Um abraço!

  5. Mário,

    O seu BLOG esse ano mudou a percepção que eu tinha da Formula 1. O approch técnico e humano, os meandros do paddock, da mídia que circula em volta do circo da F1 e principalmente, a franqueza e a coragem com a qual vc aborda certos temas tabus, foram o diferencial na temporada.

    Parabéns!

    Vc comemorar essa marca impressionante, uma média de 3.000 visitas por dia, e o jornalismo „especializado“ (copy paste) em automobilismo brasileiro dá a maior e mais vergonhosa barrigada que eu já vi em sua história.

    O Ivan Capelli publicou em seu BLOG uma matéria esclarecedora sobre o „erro“ de Hamilton, documentada com imagens e áudio sincronizado e de alta qualidade. O inglês, afinal, não errou!

    http://blogdocapelli.blogspot.com/2007/12/vdeo-comprova-hamilton-no-errou-no.html

    Eu poderia fazer uma lista aqui dos sujeitos (o „nervosinho“ foi um deles!) que pularam de barriga na piscina por conta da duvidosa informação do jornalista canadense, depois devidamente interrogado pela AUTOSPORT, mas acho que todos já sabem quem são.

    Com uma dessas, Mário, talvez os sujeitos que lhe fizeram inquirições absurdas e julgamentos sobre arrogancia e coisas e tais no post sobre a FORD, entendam definitivamente o que é ARROGÂNCIA e também quem faz automobilismo especializado sério e com substância no Brasil.

    Abraços e uma vez mais, parabéns!

  6. Boa Mário !

    Mas, na sinceridade, gostei desse blog porque voce manda „na lata“ e sou assim, dentro e fora da net, tambem mando „na lata“, pena que as pessoas tendem a não entender quem é assim, mas acho melhor do que ser „vaselina“

    De qualquer forma, valeu, abraço, e boas festas !!!

  7. Mário, parabéns pelo número de acessos!
    Passei aqui pra procurar seu e-mail e te enviar uma coisa que talvez te interesse, mas só encontrei esse espaço mais fácil para contato. Por favor apague esse comentário se ele não te interessar!

    Eu estava vendo seus posts, e pelo seu perfil tenho uma coisa que talvez te interesse: a Renault está com um projeto bacana que se chama Night Riders. Esse projeto vai dar um curso de pilotagem em Interlagos com o Roberto Manzini pra 100 pessoas que concorrerem.

    Funciona assim: basta entrar em http://www.nightriders.com.br , fazer o cadastro e responder a pergunta. As 100 melhores respostas ganham o curso.

    Além disso, essa mesma página é sempre atualizada com notícias sobre a ação e dicas de trânsito e direção.

    Eu trabalho para esse projeto, que é parte do lançamento do Sandero, o novo carro da Renault.

    Achei que você iria gostar de ser avisado!

  8. Mario, Parabéns!!!Seu blog é ótimo. Espero um dia chegar a tudo isso também…heheh…Excelente post.O Caso ESTRELAGATE realmente foi o Ó..hahaha..cheguei ao seu Blog por ele.Alguém comentou na Comu F1Brasil no orkut.Afff..

    Parabéns mais uma vez…

    Beijos e felizes festas a todos

  9. Mario, parabéns mesmo pelo EXCELENTE trabalho que você vem fazendo. Adorei acompanhar o seu blog, os furos do Glock na Toyota e do Kovalainen na McLaren foram sensacionais!

    Ao mesmo tempo, estou saindo de férias hoje, e vou precisar deixar o meu Blog sem atualizações por um tempo. Assim, só estou passando para desejar um feliz natal e um ótimo ano novo para você! Obrigado por todos os seus comentários lá no meu Blog, valeu mesmo!

    Deixei um „Desafio das Férias“ para a galera se distrair por estes dias. A seleção das fotos ficou bem legal. Acho que você vai gostar. Espero a sua participação!

    Grande abraço,

    Gustavo Coelho

  10. Speeder, R/T, Francine, Priscilla e Gustavo, muito obrigado pela presença e boas festas para vocês e suas famílias. E um 2008 de paz, saúde, muitas alegrias e novas conquistas.

  11. Opa Mario, tô meio retardatário hoje, mas parabéns pelas 100.000 mil visitas, e com certeza serão 200.000 em menos tempo ainda !

    abs

    Filipe W

  12. Parabens Mario
    Seu blog é muito bom, eu recomendo pra todo mundo mesmo.
    É o primeiro, de vários, que eu visito diariamente.
    Que seu sucesso só aumente e que Deus te abençoe muito =)
    Boas festas
    Abraço

  13. Muito obrigado, Filipe e Lucas. Boas festas para vocês e suas famílias. E um 2008 de paz, saúde, muitas alegrias e novas conquistas.

  14. Parabens pelo fato e que as próximas 100000 venham mais rapido.

    Ps:Só reconheci o Stewart com a sua boina 🙂

    abraços pessoal,feliz natal e um próspero ano novo para todos nós

  15. Caro Mário. Não é fácil fazer virar um blog assim tão rápido. Meus parabéns!

    Aproveite agora para visitar o blog de outro jornalista que largou mão das pistas depois de 12 anos de trabalho, com editorias automobilísticas (Revista Grand Prix), trabalhos de assessoria de pilotos, entre eles Felipe Massa (quando eu ainda era novato), e muitas outras coisas. Mas aprendi que existe vida atras do guard-rail, e hoje vejo que o automobilismo é mais feliz e divertido do lado de fora.

    Abraços amigo,
    Rafael Poliszuk

Kommentar verfassen

Trage deine Daten unten ein oder klicke ein Icon um dich einzuloggen:

WordPress.com-Logo

Du kommentierst mit Deinem WordPress.com-Konto. Abmelden / Ändern )

Twitter-Bild

Du kommentierst mit Deinem Twitter-Konto. Abmelden / Ändern )

Facebook-Foto

Du kommentierst mit Deinem Facebook-Konto. Abmelden / Ändern )

Google+ Foto

Du kommentierst mit Deinem Google+-Konto. Abmelden / Ändern )

Verbinde mit %s