7 de dezembro

john_love_cooper_t79_gp_sa_67.jpg

7 de dezembro – Hoje seria o aniversário de John Love, um homem idolatrado pelos fãs do automobilismo sul-africano. Uma das façanhas que gostam de relembrar é a quase vitória no GP da África do Sul 1967 com um Cooper T-79 da temporada anterior, ainda equipado com um motor 2.7, contra todas as equipes de ponta e seus pilotos famosos. Liderou boa parte da prova até o motor começar a falhar e, por precaução, procurou os boxes para reabastecimento. Só aí que Pedro Rodríguez , o piloto de fábrica da Cooper-Maserati conseguiu superá-lo.


Georges Grignard 7/12/1977, morre Georges Auguste Paul Grignard.

Georges Grignard competia com o seu próprio Talbot-Lago 4.5 e venceu o GP de Paris de 1950, uma prova extra-campeonato. A única participação no Mundial foi no GP da Espanha em Pedralbes, mas um defeito provocou o abandono. Algum tempo depois de se retirar das pistas em 1955, Grignard adquiriu todo o estoque da falida Talbot em leilão e tornou-se referencia para colecionadores a procura de peças.

Nasceu: 25 de julho de 1905 em Villeneuve-Saint-Georges na região Val-de-Marne na França.
Faleceu: 7 de dezembro de 1977 in Le-Port-Marly na região Yvelines na França aos 72 anos.

*

Robert Kubica, 2007 7/12/1984, nasce Robert Kubica em Kracóvia na Polônia.

Robert Kubica ganhou a atenção de uma audiência global este ano, mas por motivo que não fez jus ao seu talento. O acidente épico no GP do Canadá, que felizmente sobreviveu sem ferimentos, o destacou para o mundo, mas o que impressiona é o currículo do primeiro piloto de F1 polonês. Considerado por muitos um futuro astro do automobilismo, Kubica já mostrou habilidade e um estilo agressivo que faz deste jovem uma grande promessa para o futuro.

*

John Love 7/12/1924, nasce John Maxwell Lineham Love em Bulawayo na África do Sul.

Heptacampeão do Campeonato de F1 Sul-Africana e lenda do automobilismo da Rhodesia, John Love deu inicio a sua carreira no Europeu de Formula Junior nos anos 1961-62 ao volante de um Cooper-Austin da equipe de Ken Tyrrell. Um grave acidente no circuito francês de Albi o deixou com um braço espatifado o que impediu um contrato na F1. Surgiu uma única oportunidade como substituto de Phil Hill na equipe de fabrica de John Cooper para o GP da Itália de 1964 em Monza. Em compensação participou frequentemente do GP da África do Sul e chegou bem próximo a vencer a edição de 1967. Love ergueu uma revendedora da Jaguar na sua cidade natal de Bulawayo e por algum tempo manteve uma equipe de StockCar nos anos 80.

Nasceu: 7 de dezembro de 1924 em Bulawayo na África do Sul.
Faleceu: 25 de abril 2005 em Bulawayo na África do Sul aos 80 anos.

*

Ottorino Volonterio, 2004 7/12/1917, nasce Ottorino Volonterio em Orselina na Suíça.

Chamar o Ottorino de piloto beira à exageração. Claro, ele chegou a, ahn, dirigir carros de corrida. Mas dizer que correu… Em outras palavras: Apesar de participar de alguns GPs com a sua Maserati era um destes pilotos que se destacaram mais pelo estilo cuidadoso de exibir a sua pilotagem do que por verdadeira habilidade e guiar no limite.

Nasceu: 7 de dezembro de 1917 em Orselina na Suiça.
Faleceu: 10 de março de 2003 em Lugano na Suíça aos 85 anos.

*

hermano-joao-de-silva-ramos.jpg 7/12/1925, nasce Hermano João de Silva Ramos em Paris na França.

Filho de pai brasileiro e de mãe francesa, o franco-brasilieiro apelidado de Nano surgiu no automobilismo principalmente conhecido com filho de um empresário rico. As suas primeiras tentativas no automobilismo brasileiro com um MG importado em 1947 não mostraram resultados. Mas voltando para a Europa comprou um Aston Martin e obteve primeiros sucessos. Em 1955 foi chamado para correr pela equipe de fabrica da Gordini na F1. O 5º lugar no GP de Mônaco de 1956 acabou sendo seu melhor resultado na categoria. Nano continuou correndo até 1959, mas acabou cedendo aos pedidos desesperados de sua esposa de abandonar as pistas. Hoje ele vive em Biarritz no sul da França.

Advertisements

3 Gedanken zu “7 de dezembro

  1. O John Love, se não me engano, também entrou para a história da Fórmula 1 porque foi o primeiro piloto a alinhar numa corrida com um carro todo patrocinado. De cabeça, acho que foi em 1968, no G.P. da África do Sul, em Kyalami. Alguém pode confirmar essa?

    Grande abraço Mario!

    Gustavo Coelho

  2. Mario , deixe um pouco de lado a historia e nos dê a sua visão dessa maracutaia que foi feita em Monaco.

    Só digo uma coisa.

    DOIS PESOS E DUAS PEDIDAS.

    Será que Max Mosley foi tão agressivo contra a Renault , quanto foi contra a McLaren???

    Espero as transcrissões.

  3. Gustavo, é certo que o carro de John Love apareceu no ano seguinte com o patrocínio da Gunston. Mas a Lotus já tinha estreiado a pintura da Gold Leaf no campeonato Tasman e estava com este visual em Kyalami também.

    E Wellington, eita falta de vontade de comentar essa palhaçada. Mas estou aguardando a transcrição da FIA e, mais importante, o que vão decidir hoje a respeito do carro de 2008 da McLaren!

Kommentar verfassen

Trage deine Daten unten ein oder klicke ein Icon um dich einzuloggen:

WordPress.com-Logo

Du kommentierst mit Deinem WordPress.com-Konto. Abmelden / Ändern )

Twitter-Bild

Du kommentierst mit Deinem Twitter-Konto. Abmelden / Ändern )

Facebook-Foto

Du kommentierst mit Deinem Facebook-Konto. Abmelden / Ändern )

Google+ Foto

Du kommentierst mit Deinem Google+-Konto. Abmelden / Ändern )

Verbinde mit %s