6ª-feira,

Schumacher/Villeneuve, Jerez 1997

26 de outubro de 1997 – Grande Prêmio da Europa, Jerez de la Frontera, etapa final da temporada com Jacques Villeneuve (pole), Michael Schumacher e Heinz-Harald Frentzen marcando o mesmo tempo na classificação: 1.21,072min!!! Largando mal, Villeneuve cai pra terceiro atrás de Schumacher e Frentzen, mas foi deixado passar pelo companheiro de equipe. Na 45a volta o canadense fez a tentativa de ultrapassar a Ferrari na sua frente. Os dois colidem, o alemão acaba na caixa de brita após tentativa de fechar o traçado ao adversário e Villeneuve prossegue rumo ao título. Nas voltas finais o piloto da Williams ainda deixa passar Mika Häkkinen, o finlandês comemorando a sua primeira vitória na F1, e David Coulthard. A dobradinha da McLaren salvou a Mercedes-Benz do encerramento de sua participação na F1, como havia sido cogitado pelo CEO Wolfgang Schremp após falta de resultados expressivos até então. A Williams por sua parte conquistou o nono Mundial de construtores, um novo recorde na época.

Hoje é também aniversário dos ex-pilotos Ian Ashley, Joe Fry e Jonathan Williams.

Ian Ashley 1977 26/10/1947, nasce Ian Hugh Gordon Ashley em Wuppertal na Alemanha.

piloto veloz, mas demasiado envolvido em acidentes, Ian Ashley foi um dos astros da Formula 5000 européia. O britânico nunca obteve a chance de provar o seu talento na F1, a sua passagem pela categoria máxima do automobilismo foi marcada por tentativas singulares com equipes com mínimos recursos, piorando ainda a situação devido aos acidentes que produzia. Após este episódio tentou a ChampCars e o campeonato inglês de turismo BTCC. Após alguns anos de ausência das pistas ainda se arriscou em uma temporada de sidecars em 2003 para depois resolver se aposentar de vez.

*

Joe Fry 26/10/1915, nasce Joe G. Fry em Winterbourne, Inglaterra.

Joe Fry foi piloto na 2ª guerra mundial e um especialista em corridas sprint e subidas de montanha. Dirigindo uma Maserati 4CL ele participou das primeiras corridas de F1 e também do primeiro GP válido para o Mundial, o Grande Prêmio da Grã-Bretanha. Naquela prova chegou em décimo compartilhando o carro com Brian Shawe-Taylor. Algumas semanas depois de sua estréia no Mundial o piloto britânico participou no pequeno evento de subida de montanha Blandford Camp em Dorset e acabou entrando na triste estatística como o segundo piloto a perder a vida no automobilismo.

Nasceu há 92 anos, morreu 29 / 7 /1950 aos 35 anos.

*

Jonathan Williams 1997 26/10/1942, nasce Jonathan James Williams em Cairo no Egíto.

Successo na F3 italiana lhe conseguiu uma chance na equipe de F1 da Ferrari, mas somente na ultima etapa do Mundial de 1967 deram a chance à Jonathan Williams de estrear. Logo depois foi mandado embora e optou por correr na F2 e com protótipos. Provavelmente teve o seu melhor momento participando das filmagens de “Le Mans” em 1970, quando dirigiu o carro câmera no clássico produzido por Steve McQueen.

Advertisements

2 Gedanken zu “6ª-feira,

  1. Vitória polêmica esta da Mclaren. Alias o GP foi polêmico. A fechada de Michael Schumacher em Villeneuve, as ultrapassagens da Mclarens sobre a Willians e a atitude de um piloto argentino segurando Villeneuve .

    Abraços

    Fleetmaster

  2. Ah, esqueci: ultimo GP de Gerhard Berger, que na confusão quase que ainda fura a fila e passa pelas McLaren…

Kommentar verfassen

Trage deine Daten unten ein oder klicke ein Icon um dich einzuloggen:

WordPress.com-Logo

Du kommentierst mit Deinem WordPress.com-Konto. Abmelden / Ändern )

Twitter-Bild

Du kommentierst mit Deinem Twitter-Konto. Abmelden / Ändern )

Facebook-Foto

Du kommentierst mit Deinem Facebook-Konto. Abmelden / Ändern )

Google+ Foto

Du kommentierst mit Deinem Google+-Konto. Abmelden / Ändern )

Verbinde mit %s